WhatsApp

18-99675-4052

Valentim revela reunião para decidir futuro e não descarta ficar no Palmeiras - OCNEWS

Esportes

04/12/2017 às 09h59 - Atualizada em 04/12/2017 às 09h59

Valentim revela reunião para decidir futuro e não descarta ficar no Palmeiras

CLAUDINEI COUTO
Osvaldo Cruz - SP
FONTE: GLOBOESPORTE.COM

Alberto Valentim vai se reunir nesta segunda-feira com a diretoria do Palmeiras para começar a decidir seu futuro. Após a derrota por 3 a 0 para o Atlético-PR, neste domingo, em Curitiba, pela última rodada do Campeonato Brasileiro, o interino voltou a manifestar o desejo de se tornar treinador, mas admitiu continuar no clube para trabalhar na comissão de Roger Machado.



– Sempre deixei claro que quero ser treinador. O fato de talvez amanhã eu continuar como auxiliar é porque se trata do Palmeiras, um clube que eu gosto, um treinador que também tem umas ideias parecidas com as minhas, vai fazer com que eu o ajude. Vamos estar juntos nesse processo, caso eu fique. Se eu tiver de estender essa minha função de auxiliar é porque se trata do Palmeiras. Caso contrário, eu não seguiria – afirmou.



O encontro, marcado para 15h desta segunda-feira, na Academia de Futebol, terá a presença do diretor de futebol Alexandre Mattos e do gerente Cícero Souza. Valentim promete uma decisão em breve para o assunto.



– Amanhã (segunda) vou ter uma conversa com o Alexandre e com o Cícero para entender um pouco como vai ser. Nos próximos dias, depois dessa conversa, vou decidir o que vai acontecer – disse.



Valentim fez uma análise da temporada palmeirense e projetou 2018 vitorioso pela força do elenco. Até agora, o Palmeiras contratou o meia Lucas Lima, o zagueiro Emerson Santos, o lateral-esquerdo Diogo Barbosa e está perto de fechar com o goleiro Weverton.



– No ano de 2017 criou-se uma expectativa grande, era o atual campeão brasileiro, algumas contratações foram feitas para deixar o grupo mais forte. Não aconteceu na Libertadores e na Copa do Brasil, ficamos em segundo no Brasileiro. Não é um desastre. Mas não conseguimos títulos, que era a nossa intenção.



– O Palmeiras de 2018 vem mais forte, porque elenco vai permanecer mais ou menos 90%, é um elenco que já se conhece. Roger já foi muito bem-vindo, teve uma conversa rápida. Espera-se um ano de conquistas, não pode ser diferente com o plantel que tem e pela força do Palmeiras. Espero que o Palmeiras seja vitorioso em algumas competições que vai disputar – projetou.



Veja outros trechos da entrevista:



Resultado em Curitiba

– Apático. É um termo que cabe bem para o nosso primeiro tempo hoje, muito devagar. Tínhamos conversado que aqui na Arena o Atlético-PR começa o seu jogo muito forte. Em 15 minutos já estava 2 a 0. O nosso comportamento deveria ter sido outro, principalmente no começo do jogo, para depois nós jogarmos da forma como tínhamos jogado contra o Botafogo. Primeiro tempo muito abaixo do que queríamos.



Etapa final

– No segundo tempo procuramos jogar, e só jogamos nós, mas muito porque o resultado já fazia com que o Atlético-PR pudesse esperar um pouco mais no seu campo defensivo. Uma pena. Mas estou feliz no sentido do segundo lugar, era um objetivo que tínhamos traçado. Ano passado campeão, esse ano em segundo



Período como técnico

– Fiquei orgulhoso dos nossos jogos. Fizemos alguns jogos ruins, posso citar dois: hoje e contra o Vitória. Nos outros fomos bem, conseguimos dar um padrão de jogo. Parece repetitivo, mas é o que eu enxerguei nesses 11 jogos. Foi uma experiência fantástica. Peguei o time em quinto lugar, estou deixando em segundo. Mérito dos jogadores. Agradeci no vestiário, ontem também no treino, pela forma que compraram a ideia do nosso trabalho. Fizemos coisas boas, óbvio que outras menos. Mas um saldo positivo em relação a nossa classificação.


ESTA MATÉRIA FOI VISTA 71 VEZES

Comentários

Veja também

    Publicidade

    Publicidade

OCNEWS
© Copyright 2017 | OCNEWS | Todos os Direitos Reservados | Hospedado por PAGE UP SOLUTIONS