WhatsApp

18-99675-4052

Dados do Caged apontam que 2018 começou com mais demissões em Osvaldo Cruz; foram 14 novos desempregados em janeiro - OCNEWS

Cidades

03/03/2018 às 15h13 - Atualizada em 04/03/2018 às 23h38

Dados do Caged apontam que 2018 começou com mais demissões em Osvaldo Cruz; foram 14 novos desempregados em janeiro

Edy Rocha
Osvaldo Cruz - SP
FONTE: Redação

O Ministério do Trabalho divulgou na última sexta-feira (2) as admissões e demissões do mercado de trabalho formal do país referente a janeiro de 2018.



Em janeiro, as contratações formais superaram as demissões em 77.822 vagas. Esse foi o melhor resultado para o mês de janeiro em seis anos. Ao todo, 2018 começou com a abertura de 1.284.498 vagas, enquanto outras 1.206.676 foram extintas.



Apesar do resultado positivo, o índice de desemprego no Brasil atingiu 12,2% no trimestre encerrado em janeiro de 2018. Isso significa que 12,7 milhões de pessoas estão desempregadas no país.



Em Osvaldo Cruz, segundo dados do Cadastro de Empregados e Desempregados (CAGED), foram contratados 161 trabalhadores e demitidos 175 em janeiro, saldo negativo de 14 carteiras de trabalho, menos 0,22% em relação a dezembro de 2017. No mesmo mês do ano passado, o resultado foi positivo, em 86 vagas.



Em janeiro em Osvaldo Cruz, a Construção Civil teve saldo positivo de 2 contratações, o setor de Serviços mais 17.  Já a agropecuária perdeu 1 vaga, a Administração Pública -5, a Indústria -2, o Comércio -24 e outros -1.                                                



Na micro-região de Adamantina, Lucélia foi à cidade que mais contratou no mês de janeiro, foram 405 contratações, contra 240 demissões, um saldo positivo de 165 vagas.



O município de Flórida Paulista também teve saldo positivo em janeiro, foram 89 admissões contra 32 demissões, saldo de 57 novos contrados.

Em Rinopolis o saldo também foi positivo, foram 55 admissões contra 39 demissões, saldo de 16 novos contratos.



Adamantina registrou um saldo positivo de 14 empregos. Em janeiro a cidade demitiu 217 trabalhadores e contratou outros 231.



Mariápolis teve saldo positivo de 4 vagas. O mesmo ocorreu com Salmourão que criou 6 novas vagas, enquanto Sagres gerou 1 nova vaga.



Pacaembu se manteve instável em janeiro, foram 17 admissões contra 17 demissões. Pracinha também se manteve instável, não contratou mas também não demitiu.



Em janeiro de 2018, Inúbia Paulista teve um saldo negativo de 7 vagas. Irapuru também perdeu 4 vagas, enquanto Flora Rica teve saldo negativo de 1 emprego.



Já a cidade de Parapuã foi a que mais demitiu, foram 42 admissões contra 219 demissões, um saldo negativo de 177 empregos.



Destaque negativo também para Tupã, que em janeiro teve 598 admissões contra 613 demissões, um saldo negativo de 15 empregos.



Na maior cidade do Oeste Paulista o saldo também foi negativo. Em janeiro Presidente Prudente contratou 1858 pessoas e demitiu 1919, o que deixou 61 tralhadores desempregado.


ESTA MATÉRIA FOI VISTA 921 VEZES

Comentários

Veja também

    Publicidade

    Publicidade

OCNEWS
© Copyright 2018 | OCNEWS | Todos os Direitos Reservados | Hospedado por PAGE UP SOLUTIONS