Ocnews - Sua fonte de notícias na cidade de Osvaldo Cruz

Bolsonaro anuncia viagem a Chapecó e diz que prefeito é exemplo a ser seguido

Prefeito João Rodrigues (PSD), que tomou posse em janeiro, tem investido no chamado "tratamento precoce" contra a covid-19.

O presidente Jair Bolsonaro e o prefeito de Chapecó, João Rodrigues (PSD). Foto: Arquivo da Prefeitura de Chapecó

OUVIR NOTÍCIA

O presidente Jair Bolsonaro anunciou, nesta segunda-feira (5/4), viagem a Chapecó, Santa Catarina, ainda nesta semana. O mandatário relatou que fará uma visita ao prefeito João Rodrigues (PSD), que tomou posse em janeiro, que, segundo o mandatário, faz "um trabalho excepcional" em meio à pandemia e é um "exemplo a ser seguido". A declaração ocorreu durante a inauguração de dois residenciais em São Sebastião.

Rodrigues tem investido no chamado "tratamento precoce" contra a covid-19. No entanto, não há comprovação científica de eficácia de remédios como cloroquina, ivermectina e Annita contra o vírus. A cidade aderiu ao lockdown por 14 dias.

"Deixo claro que na quarta-feira ou quinta-feira, estarei em Chapecó. Visitarei lá o prefeito João Rodrigues, que fez um trabalho excepcional no tocante aos recursos dados pelo Estado e no atendimento na ponta da linha de quem necessitava do tratamento (contra covid-19). É uma obra fantástica por parte dele. É um exemplo a ser seguido, por isso estou indo para lá. Para exatamente não só ver, mas para mostrar a todo o Brasil que o vírus é grave e que seus efeitos têm como ser combatidos", observou.

Bolsonaro repetiu também defesa pelo kit cloroquina. "Naquele município, o médico tem a liberdade total para trabalhar com o paciente. Total. Esse é o dever do médico. Uma obrigação e um direito dele. Não tem remédio específico, ele trata da melhor maneira possível, por isso os índices foram lá para baixo".

Mais cedo, o presidente publicou nas redes sociais um vídeo no qual o prefeito incentiva governadores e prefeitos a adotarem “tratamento precoce”.

"Os óbitos chegaram, aqui em Chapecó, a 18 por dia. Hoje, a média é de 2 ou 3. Antes da covid, a média era de 5 mortes diárias. Agora, é 2 ou 3. Como que nós chegamos a tudo isso? Pelo amor de Deus, é a coisa mais simples do mundo. Basta ter foco, fé, coragem e união de uma sociedade", disse Rodrigues.

"Aqui em Chapecó, nós usamos todos os protocolos. O protocolo do tratamento precoce também foi adotado. Atenção, prefeitos governadores, não tenham medo. Abram suas portas para o tratamento de seus pacientes com tudo aquilo que é possível pela ciência também, claro que sim. Mas permitam que os médicos que têm vontade de fazer o tratamento precoce façam. Deem apoio. Foi o que nós fizemos em Chapecó: 3 ambulatórios, sendo 1 especificamente para tratamento precoce. Nós abrimos todas as unidades de saúde e, mais do que isso, fizemos a testagem rápida. Então é um conjunto da obra: começo, meio e fim", disse.

O prefeito pediu ainda que a população não debata sobre o uso dos remédios. "Fizemos uma opção: não fale de política, não fique debatendo se o tratamento precoce é bom ou ruim. Faça tudo que tem que ser feito. É exatamente isso que está dando certo na nossa cidade. A prioridade é salvar vidas. Vamos voltar à nossa normalidade, trabalhar. A economia não pode parar”, concluiu. O ministro da Saúde deve acompanhar Bolsonaro na viagem.

Ibaneis

Por fim, ele agradeceu aos ministros e ao governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, que também, esteve presente na solenidade. "O momento aqui é de satisfação. Estamos fazendo algumas pessoas felizes por intermédio de ações do nosso governo. Agradeço a todos os envolvidos no nosso projeto, Pedro (Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal) e (ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério) Marinho, que têm trabalhado muito nessa questão. Obrigado a todos, o governador também, tem parceria com Ibaneis aqui. O nosso muito obrigado e até uma nova entrega, se Deus quiser".

Fonte

Correio Braziliense
  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Bolsonaro anuncia viagem a Chapecó e diz que prefeito é exemplo a ser seguido

Correio Braziliense

O presidente Jair Bolsonaro anunciou, nesta segunda-feira (5/4), viagem a Chapecó, Santa Catarina, ainda nesta semana. O mandatário relatou que fará uma visita ao prefeito João Rodrigues (PSD), que tomou posse em janeiro, que, segundo o mandatário, faz "um trabalho excepcional" em meio à pandemia e é um "exemplo a ser seguido". A declaração ocorreu durante a inauguração de dois residenciais em São Sebastião.

Rodrigues tem investido no chamado "tratamento precoce" contra a covid-19. No entanto, não há comprovação científica de eficácia de remédios como cloroquina, ivermectina e Annita contra o vírus. A cidade aderiu ao lockdown por 14 dias.

"Deixo claro que na quarta-feira ou quinta-feira, estarei em Chapecó. Visitarei lá o prefeito João Rodrigues, que fez um trabalho excepcional no tocante aos recursos dados pelo Estado e no atendimento na ponta da linha de quem necessitava do tratamento (contra covid-19). É uma obra fantástica por parte dele. É um exemplo a ser seguido, por isso estou indo para lá. Para exatamente não só ver, mas para mostrar a todo o Brasil que o vírus é grave e que seus efeitos têm como ser combatidos", observou.

Bolsonaro repetiu também defesa pelo kit cloroquina. "Naquele município, o médico tem a liberdade total para trabalhar com o paciente. Total. Esse é o dever do médico. Uma obrigação e um direito dele. Não tem remédio específico, ele trata da melhor maneira possível, por isso os índices foram lá para baixo".

Mais cedo, o presidente publicou nas redes sociais um vídeo no qual o prefeito incentiva governadores e prefeitos a adotarem “tratamento precoce”.

"Os óbitos chegaram, aqui em Chapecó, a 18 por dia. Hoje, a média é de 2 ou 3. Antes da covid, a média era de 5 mortes diárias. Agora, é 2 ou 3. Como que nós chegamos a tudo isso? Pelo amor de Deus, é a coisa mais simples do mundo. Basta ter foco, fé, coragem e união de uma sociedade", disse Rodrigues.

"Aqui em Chapecó, nós usamos todos os protocolos. O protocolo do tratamento precoce também foi adotado. Atenção, prefeitos governadores, não tenham medo. Abram suas portas para o tratamento de seus pacientes com tudo aquilo que é possível pela ciência também, claro que sim. Mas permitam que os médicos que têm vontade de fazer o tratamento precoce façam. Deem apoio. Foi o que nós fizemos em Chapecó: 3 ambulatórios, sendo 1 especificamente para tratamento precoce. Nós abrimos todas as unidades de saúde e, mais do que isso, fizemos a testagem rápida. Então é um conjunto da obra: começo, meio e fim", disse.

O prefeito pediu ainda que a população não debata sobre o uso dos remédios. "Fizemos uma opção: não fale de política, não fique debatendo se o tratamento precoce é bom ou ruim. Faça tudo que tem que ser feito. É exatamente isso que está dando certo na nossa cidade. A prioridade é salvar vidas. Vamos voltar à nossa normalidade, trabalhar. A economia não pode parar”, concluiu. O ministro da Saúde deve acompanhar Bolsonaro na viagem.

Ibaneis

Por fim, ele agradeceu aos ministros e ao governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, que também, esteve presente na solenidade. "O momento aqui é de satisfação. Estamos fazendo algumas pessoas felizes por intermédio de ações do nosso governo. Agradeço a todos os envolvidos no nosso projeto, Pedro (Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal) e (ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério) Marinho, que têm trabalhado muito nessa questão. Obrigado a todos, o governador também, tem parceria com Ibaneis aqui. O nosso muito obrigado e até uma nova entrega, se Deus quiser".

Publicidade

Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )