Ocnews - Sua fonte de notícias na cidade de Osvaldo Cruz

Mazucato tem nova derrota na Justiça no caso de agressão ao ex-Vereador Roberto Pazotto

Colégio Recursal de Tupã confirma sentença proferida em Osvaldo Cruz por condenação do ex-Prefeito

OUVIR NOTÍCIA

O ex-Prefeito de Osvaldo Cruz, Edmar Mazucato, teve nova derrota na Justiça Estadual no caso de agressão e lesão corporal contra o ex-Vereador, Roberto Pazotto.

O ex-Prefeito recorreu da sentença da Comarca de Osvaldo Cruz que o condenou a três meses e 15 dias de detenção, pena substituída por suspensão de direitos por dois anos mediante algumas condições.

O Colégio Recursal de Tupã, órgão que julga os processos que tramitaram em juizados especiais criminais da região, manteve a sentença do juiz de Osvaldo Cruz pela condenação de Mazucato.
Mazucato é acusado de, no dia 16 de agosto de 2019, por volta do horário do almoço, ter agredido fisicamente o ex-Vereador, Roberto Pazotto (PV) em seu escritório em uma produtora de vídeos no centro da cidade. As agressões causaram lesões corporais no ex-Vereador.

O ex-Prefeito nega as acusações.

Caso o processo termine, na prática, Mazucato terá que, por dois anos,  prestar serviços à comunidade, está proibido de sair da Comarca por mais de 15 dias sem autorização de juiz e deverá comparecer todos os meses em juízo para informar e justificar as atividades.

Fonte

Ocnet
  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Mazucato tem nova derrota na Justiça no caso de agressão ao ex-Vereador Roberto Pazotto

Ocnet

O ex-Prefeito de Osvaldo Cruz, Edmar Mazucato, teve nova derrota na Justiça Estadual no caso de agressão e lesão corporal contra o ex-Vereador, Roberto Pazotto.

O ex-Prefeito recorreu da sentença da Comarca de Osvaldo Cruz que o condenou a três meses e 15 dias de detenção, pena substituída por suspensão de direitos por dois anos mediante algumas condições.

O Colégio Recursal de Tupã, órgão que julga os processos que tramitaram em juizados especiais criminais da região, manteve a sentença do juiz de Osvaldo Cruz pela condenação de Mazucato.
Mazucato é acusado de, no dia 16 de agosto de 2019, por volta do horário do almoço, ter agredido fisicamente o ex-Vereador, Roberto Pazotto (PV) em seu escritório em uma produtora de vídeos no centro da cidade. As agressões causaram lesões corporais no ex-Vereador.

O ex-Prefeito nega as acusações.

Caso o processo termine, na prática, Mazucato terá que, por dois anos,  prestar serviços à comunidade, está proibido de sair da Comarca por mais de 15 dias sem autorização de juiz e deverá comparecer todos os meses em juízo para informar e justificar as atividades.

Publicidade

Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )