Ocnews - Sua fonte de notícias na cidade de Osvaldo Cruz

Como as crianças ficam calmas com os aparelhos eletrônicos e por que isso afeta diretamente seu desenvolvimento

DICAS

Hoje a tecnologia faz parte do cotidiano de todos os adultos; a busca constante pela informação e a necessidade de respostas rápidas fazem com que o celular, computador ou TV sejam fundamentais. Essa urgência pelo conhecimento não seria diferente com as crianças, pois desde pequenas já sabem como utilizar aparelhos eletrônicos e procurar por aquilo que desejam.

Essa tecnologia que tanto nos ajuda também pode ser preocupante para o desenvolvimento das crianças.

Vamos lhe mostrar algumas informações que podem ser úteis para que o uso de eletrônicos não prejudique seu pequeno.

Como o uso em excesso não contribui para o desenvolvimento das crianças

Uma pesquisa realizada pela Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal informa que o desenvolvimento das crianças está diretamente ligado a um ambiente familiar afetivo, seguro e estimulante.

Se não há uma limitação de uso de eletrônicos, as crianças não lidam com o tédio, ficam impacientes, não sabem esperar, e diante disso, têm dificuldades em organizar seus pensamentos quando solicitadas para fazer atividades simples e práticas. Ademais, o estímulo constante desses aparelhos, faz com que elas não tenham “tempo livre” para serem criativas.

Uso de celular durante as refeições


As refeições são um ótimo momento para a interação familiar, certo? Segundo este estudo, o uso de aparelhos eletrônicos na “mesa de jantar” é prejudicial para todos e principalmente para as crianças que, ao estarem distraídas com o conteúdo exibido, não sentem o sabor dos alimentos e perdem a noção de saciedade.

Fazer com que os pequeninos participem da preparação dos alimentos é uma ótima alternativa para que desenvolvam a curiosidade em experimentar novos sabores, assim como criar pratos criativos com diferentes formas de preparo de um mesmo alimento também pode ser eficaz.

Sono e o uso de eletrônicos


Vários hormônios estão ligados ao sono, por exemplo o GH (do crescimento) e o cortisol (da estabilidade emocional e do controle de inflamações). Segundo esta pesquisa, a longo prazo, a falta de sono reduz esses hormônios e isso pode afetar diretamente o desenvolvimento da criança.

O uso do celular ou TV antes de dormir, faz com que haja estímulo cerebral pelo conteúdo reproduzido e também pela luz do aparelho. Com isso, a criança demora mais para conseguir pegar no sono, consequentemente acorda mais vezes durante a noite e descansa menos.

Uma opção que pode ajudar nesse sentido é reduzir a intensidade da luz emitida, manter o aparelho fora do quarto, uma vez que a possibilidade de receber alguma mensagem já é o suficiente para atrapalhar o sono e não utilizar entre 30 minutos e 2 horas antes de ir para a cama.

Por que as crianças ficam quietas na frente da TV ou celular

Normalmente quando ligamos a TV ou entregamos um celular na mão das crianças, elas ficam calmas para prestar atenção ao conteúdo que está passando.

Segundo um extenso artigo sobre o tema, publicado pela BBC, isso acontece pois os desenhos são feitos especialmente para esse público. Eles utilizam cores chamativas, olhos grandes, personagens em formato de alimentos (que muitas vezes não têm significado para os adultos, mas para os pequenos faz total sentido), fazem repetições (sejam de número, letras ou até mesmo de cenas) e além disso, as crianças não precisam se esforçar para criar situações de brincadeira, simplesmente podem sentar e prestar atenção em algo já pronto.

Reserve um tempo em família para atividades off-line


O tempo em família é essencial para o desenvolvimento da criança e criação de vínculo com os pais, conforme esta pesquisa. Ao dedicar um pouco do seu tempo ao seu pequeno, ele se sentirá acolhido e em segurança para explorar coisas novas. Além desse tempo em família, as brincadeiras criativas com outras crianças são indispensáveis, já que a prática é um dos pilares do desenvolvimento infantil.

De acordo com este artigo opinativo, as crianças geralmente buscam nos adultos um modelo a ser seguido, por isso é importante encorajá-las a ter curiosidade, a explorar o mundo e enfrentar qualquer obstáculo que venha a surgir, já que sobretudo, somos nós quem estaremos ao lado delas para ampará-las em caso de necessidade, não é mesmo?

 

CLIQUE E SAIBA MAIS: https://incrivel.club/inspiracao-psicologia/como-as-criancas-ficam-calmas-com-os-aparelhos-eletronicos-e-por-que-isso-afeta-diretamente-seu-desenvolvimento-1241611/

  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Como as crianças ficam calmas com os aparelhos eletrônicos e por que isso afeta diretamente...

Hoje a tecnologia faz parte do cotidiano de todos os adultos; a busca constante pela informação e a necessidade de respostas rápidas fazem com que o celular, computador ou TV sejam fundamentais. Essa urgência pelo conhecimento não seria diferente com as crianças, pois desde pequenas já sabem como utilizar aparelhos eletrônicos e procurar por aquilo que desejam.

Essa tecnologia que tanto nos ajuda também pode ser preocupante para o desenvolvimento das crianças.

Vamos lhe mostrar algumas informações que podem ser úteis para que o uso de eletrônicos não prejudique seu pequeno.

Como o uso em excesso não contribui para o desenvolvimento das crianças

Uma pesquisa realizada pela Fundação Maria Cecilia Souto Vidigal informa que o desenvolvimento das crianças está diretamente ligado a um ambiente familiar afetivo, seguro e estimulante.

Se não há uma limitação de uso de eletrônicos, as crianças não lidam com o tédio, ficam impacientes, não sabem esperar, e diante disso, têm dificuldades em organizar seus pensamentos quando solicitadas para fazer atividades simples e práticas. Ademais, o estímulo constante desses aparelhos, faz com que elas não tenham “tempo livre” para serem criativas.

Uso de celular durante as refeições


As refeições são um ótimo momento para a interação familiar, certo? Segundo este estudo, o uso de aparelhos eletrônicos na “mesa de jantar” é prejudicial para todos e principalmente para as crianças que, ao estarem distraídas com o conteúdo exibido, não sentem o sabor dos alimentos e perdem a noção de saciedade.

Fazer com que os pequeninos participem da preparação dos alimentos é uma ótima alternativa para que desenvolvam a curiosidade em experimentar novos sabores, assim como criar pratos criativos com diferentes formas de preparo de um mesmo alimento também pode ser eficaz.

Sono e o uso de eletrônicos


Vários hormônios estão ligados ao sono, por exemplo o GH (do crescimento) e o cortisol (da estabilidade emocional e do controle de inflamações). Segundo esta pesquisa, a longo prazo, a falta de sono reduz esses hormônios e isso pode afetar diretamente o desenvolvimento da criança.

O uso do celular ou TV antes de dormir, faz com que haja estímulo cerebral pelo conteúdo reproduzido e também pela luz do aparelho. Com isso, a criança demora mais para conseguir pegar no sono, consequentemente acorda mais vezes durante a noite e descansa menos.

Uma opção que pode ajudar nesse sentido é reduzir a intensidade da luz emitida, manter o aparelho fora do quarto, uma vez que a possibilidade de receber alguma mensagem já é o suficiente para atrapalhar o sono e não utilizar entre 30 minutos e 2 horas antes de ir para a cama.

Por que as crianças ficam quietas na frente da TV ou celular

Normalmente quando ligamos a TV ou entregamos um celular na mão das crianças, elas ficam calmas para prestar atenção ao conteúdo que está passando.

Segundo um extenso artigo sobre o tema, publicado pela BBC, isso acontece pois os desenhos são feitos especialmente para esse público. Eles utilizam cores chamativas, olhos grandes, personagens em formato de alimentos (que muitas vezes não têm significado para os adultos, mas para os pequenos faz total sentido), fazem repetições (sejam de número, letras ou até mesmo de cenas) e além disso, as crianças não precisam se esforçar para criar situações de brincadeira, simplesmente podem sentar e prestar atenção em algo já pronto.

Reserve um tempo em família para atividades off-line


O tempo em família é essencial para o desenvolvimento da criança e criação de vínculo com os pais, conforme esta pesquisa. Ao dedicar um pouco do seu tempo ao seu pequeno, ele se sentirá acolhido e em segurança para explorar coisas novas. Além desse tempo em família, as brincadeiras criativas com outras crianças são indispensáveis, já que a prática é um dos pilares do desenvolvimento infantil.

De acordo com este artigo opinativo, as crianças geralmente buscam nos adultos um modelo a ser seguido, por isso é importante encorajá-las a ter curiosidade, a explorar o mundo e enfrentar qualquer obstáculo que venha a surgir, já que sobretudo, somos nós quem estaremos ao lado delas para ampará-las em caso de necessidade, não é mesmo?

 

CLIQUE E SAIBA MAIS: https://incrivel.club/inspiracao-psicologia/como-as-criancas-ficam-calmas-com-os-aparelhos-eletronicos-e-por-que-isso-afeta-diretamente-seu-desenvolvimento-1241611/

Veja também

sample52
Jane Gomes
Jane Gomes

Confira 9 truques para deixar seus calçados mais confortáveis

sample52
Jane Gomes
Jane Gomes

Confira 10 itens que usamos diariamente sem perceber que escondem muita sujeira

sample52
Jane Gomes
Jane Gomes

Um cara foi capaz de capturar um pôr do sol sensacional e mais 10 pessoas que registraram obras notáveis da natureza

sample52
Jane Gomes
Jane Gomes

Por que não é recomendável que você lave o rosto no chuveiro

Publicidade

Fale com a redação!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )